• Facebook
  • Instagram

Esta série de pinturas busca por mundos imaginários, paisagens inexistentes e lúdicas, muitas vezes submersas, outras vezes como relevos que se entrecruzam e se sobrepõem. Paisagens onde gostaríamos de estar e viver. Ou de apenas observar. Um olhar interno, uma pausa no tempo, uma observação mais atenta para as emoções que cercam a vida e que se configuram na pintura, através de seus recursos e formas. E que ao se tornarem visíveis, passam a compartilhar suas existências com o espectador.